Assista ao trailer do filme

• Watch the movie trailer in English • Versão inclusiva (com legendas em português)

Sinopse

O documentário “Orgulho de Ser Brasileiro” discute o sentimento envolto na mais emblemática frase que se ouve no país – e que dá título ao filme – a partir de depoimentos de vários brasileiros.

Numa narrativa de busca pessoal do diretor pelo sentimento de orgulho de ser do Brasil, entrevistados como o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o artista plástico Romero Britto, o técnico de futebol Carlos Alberto Parreira, a geneticista Mayana Zatz, o filósofo Roberto Romano, o dramaturgo Gerald Thomas, a ex-ministra do Meio Ambiente Marina Silva, o escritor Ferréz, os músicos Max de Castro e Simoninha, o jornalista e empresário radicado na Flórida Carlos Borges, a corretora de Imóveis em Miami Yara Gouveia, o colunista de vinhos Didú Russo, o ex-ministro da Saúde Adib Jatene e o bispo emérito de Blumenau Dom Angélico Sãndalo Bernardino se dividem em depoimentos ao longo do documentário questionando o Brasil e se questionando sobre a cultura dos brasileiros e o momento do país.

Ancorado numa narrativa dinâmica com fotografia conceitual que explora vários ângulos dos entrevistados e depoimentos reveladores, o filme é permeado por trechos do hino nacional interpretado por Badi Assad. Num formato provocativo, promete ir muito além do “Ouviram do Ipiranga” ou do sentimento-padrão de que “o brasileiro é o melhor povo do mundo” a que nos acostumamos.

Não é ufanista. É pra discutir.

Não é contra o Brasil. É a favor.

É real.

Feito por brasileiros.

Sem intermediários.

 

Synopsis

Pride of being Brazilian is a documentary which discusses the most emblematic phrase that you hear in Brazil. The plot is the combined result of several interviews with Brazilians.

Based on the director’s personal search for the pride of being Brazilian feeling there are interviews with the former Brazilian president Fernando Henrique Cardoso, the plastic artist Romero Britto, the football coach Carlos Alberto Parreira, the environmentalist Marina Silva, the geneticist Mayanna Zatz, the philosopher Roberto Romano, the writer Ferréz, the brothers and musicians Max de Castro and Simoninha, the theater director Gerald Thomas, the Catholic bishop and social activist Dom Angélico Bernardino, the real estate broker Yara Gouveia, the wine expert Didú Russo  and the journalist Carlos Borges in which they talk about the country, the Brazilian culture and this special moment for Brazil in the world.

The film explores a new concept of the feeling of pride in Brazil from different angles of photography and perspectives of the personalities interviewed. Together with the Brazilian National Anthem, which permeates the documentary, performed by Badi Assad in a unique and provocative way, it takes us beyond the original meaning of the Anthem and the exaggerated Brazilian self-description that“Brazilians are the best people in the world”.

It’s not strongly nationalistic. It’s just to provoke discussion.

It’s pro. Not against Brazil.

Just real.

Made by Brazilians.

With no foreign interference.